trabalhar com tecnologia trabalhar com tecnologia

8 possibilidades interessantes para trabalhar com tecnologia

7 minutos para ler

A partir de um panorama do mercado de Tecnologia da Informação, mais conhecido como TI, as possibilidades de trabalhar com tecnologia aumentam. Existe, há alguns anos, um cenário de ascensão dessa área no mercado de trabalho.

Não se pode negar que vivemos uma realidade digital, que tudo isso já faz parte das nossas vidas e, obviamente, a tecnologia se torna indispensável no mundo empresarial. Com isso, entendemos que a profissionalização não só vale a pena, como se tornou algo essencial.

Mas como saber qual área tem mais a ver com o seu perfil profissional. São diversificadas funções e atividades em diferentes áreas de atuação, por isso, neste post, destacamos 8 possibilidades interessantes para trabalhar com tecnologia. Continue a leitura para saber mais!

1. Segurança da informação

trabalhar com tecnologia

O profissional de segurança da informação é cada vez mais requisitado nos mais variados portes de empresas, sejam elas de produção, sejam prestadoras de serviços. Ele é o responsável por gerenciar as informações compartilhadas pela empresa no meio digital, garantindo a transparência, mas também o sigilo, quando necessário.

Com os avanços tecnológicos, o número de golpes virtuais também cresceu. Nesse contexto, o analista de segurança da informação é quem detecta possíveis ameaças e garante que os sistemas utilizados nos negócios não sejam vulneráveis a esses riscos.

Além da área mais técnica, a atuação gerencial também faz parte das suas funções, pois ele deve criar, junto aos gestores, políticas de segurança da informação, colaborando com a implementação de normas e procedimentos, que devem ser alinhados com os objetivos das empresas.

2. Big data

O Data Science, como é conhecido o analista de dados no mercado de TI, é quem controla, organiza e distribui o alto número de dados que são distribuídos a todo momento no meio digital. Com a alta do volume de informações, também aumentou a necessidade de profissionais preparados para tratarem esses elementos.

O conhecimento nas áreas de exatas e a desenvoltura com a tecnologia são indispensáveis para quem quer atuar na área. O conceito de Big Data tem como base 5 princípios, chamados de 5 v’s, são eles: velocidade, volume, variedade, veracidade e valor.

Com base neles, os cientistas de dados buscam aplicações práticas para os dados oferecidos, que devem ser coletados e analisados no intuito de garantir lucratividade para uma organização.

3. Marketing digital

trabalhar com tecnologia

O marketing já faz parte do mercado de trabalho há tempos, contudo, com a inserção tecnológica nesse meio, o setor sofreu transformações, sendo necessária a criação de uma nova área: o marketing digital. Desse modo, as estratégias e técnicas precisaram ser adaptadas para a internet e as mídias digitais.

Apesar das funções parecidas, o profissional especializado no meio digital necessita ter conhecimentos específicos, principalmente relacionados ao uso da internet para otimizar os processos de venda e reconhecimento de marca diante do público virtual.

Assim, além da atuação em empresas, esse profissional pode oferecer serviços de consultoria e assessoria no setor digital de diversas empresas, das pequenas às grandes corporações. Muito além de promover um produto ou um serviço, o foco está na busca de, por meio da internet, inserir todos os tipos de negócio no mundo digital.

4. Desenvolvedor web

Entre as principais profissões relacionadas à tecnologia está o desenvolvimento web. Esse profissional, de modo geral, é quem desenvolve os websites de empresas, pessoas e outros seguimentos. Para além de colocar um site no ar, ele precisa planejar toda a estrutura para que a plataforma web funcione com eficácia.

Quando se contrata um desenvolvedor se espera que ele entregue algo que seja alinhado com as necessidades e possibilidades de um negócio. Para isso, o desenvolvedor pode atuar em diversas frentes, entre elas:

  • front-end: garante um layout preocupado com a experiência do usuário;
  • back-end: trata da hospedagem do site, garantindo o funcionamento do servidor.

5. Analista de dados

Diferentemente do cientista de dados, que fica responsável pela parte mais técnica do levantamento de informações, o analista de dados deve estar preparado para fazer o gerenciamento desses dados — coletando, compilando, analisando e interpretando tudo aquilo que pode ser inserido em estratégias de outros setores da empresa, como os times de vendas e marketing.

A capacidade de gerenciar é um diferencial para o crescimento desse profissional, que pode propor melhorias pensando no crescimento das empresas. Os riscos e a intensidade de determinadas decisões podem ser apontadas pelo analista, assim, ele possibilita aos gestores a previsão de benefícios ou prejuízos para que, a partir deles, sejam tomadas as decisões.

6. Gestor de projetos

trabalhar com tecnologia

O gestor de projetos tem papel estratégico dentro das empresas, por isso, ele é quem garante o cumprimento de prazos e orçamentos. Assim, esse especialista colabora com a redução do retrabalho e, consequentemente, de prejuízos. Apesar de não ser exigida a graduação na área tecnológica, o mercado busca por profissionais com conhecimento em TI, pois vivemos essa realidade digital e não podemos negá-la.

Uma característica indispensável para qualquer cargo de gestão é a liderança, além da facilidade em trabalhar em grupo. Neste caso, é ele quem mantém o clima organizacional positivo e a harmonia entre todos os setores que envolvem um projeto como um todo.

7. Designer gráfico

Uma das profissões mais antigas para trabalhar com tecnologia é o designer gráfico. Entretanto, ainda há poucos profissionais capacitados para atuarem nessa área, sendo uma boa oportunidade para quem busca por uma chance no mercado de trabalho de TI. Com as novas tecnologias, o designer passa a ter um papel primordial nas ações das empresas no meio digital.

Algumas das atividades dele são mais lúdicas, como a criação de animações e games, além disso, o designer também atua na criação de layouts de revistas, jornais e outras páginas da web. Por isso, ele precisa ser uma pessoa criativa e ligada nas questões atuais, entre as buscas mais comuns no Google e os termos mais falados no Twitter, por exemplo.

8. IT business partner

Os métodos de gestão estão sendo renovados no mesmo ritmo do boom tecnológico que atinge todos os ramos de negócio. Nesse embalo, surgem os analistas de negócio em TI, uma nova atividade essencial para as empresas que buscam alinhar os planos estratégicos com os usos das tecnologias de informação disponíveis.

Assim, sua função é entender de maneira sistêmica o funcionamento das organizações, criando modos de identificar problemas e oferecendo possíveis soluções para os gestores. Seu papel é agir como um consultor interno da empresa, em que a visão do todo permite propor ações em todos os âmbitos do negócio.

Como vimos, independentemente da área que você pretende atuar no meio tecnológico, é essencial ter um bom planejamento de carreira. Assim, fica mais fácil escolher a profissão que esteja mais adequada com as suas habilidades profissionais.

Para trabalhar com tecnologia é preciso ser criativo, ter iniciativa e, principalmente, gostar daquilo que faz. Além do mais, a qualificação é requisito básico para você se destacar na hora de concorrer a uma vaga nessa área.

Para saber mais sobre as especializações possíveis para trabalhar com tecnologia, entre em contato com a gente, será um prazer ajudá-lo!

Posts relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.